NOVIDADES SETOR AUTOMOTIVO

Ônibus elétrico da BYD chega em São Paulo
Fabricante chinesa inicia 1ª fase de testes de articulado na capital paulista

REDAÇÃO AB
BYD começa a expandir sua atuação nas cidades brasileiras com o início da primeira fase de testes do ônibus elétrico em São Paulo, em parceria com a SPTrans, que opera o transporte público de passageiros na cidade. O modelo K11, um articulado de 18,9 metros de comprimento de piso baixo e movido a bateria, foi desenvolvido para atender os mercados de BRT dos Estados Unidos e da América Latina. Possui autonomia de 260 km/h e acomoda até 120 passageiros.

Os testes serão acompanhados e auditados por uma empresa de auditoria credenciada pela SPTrans durante todos o trajeto da simulação de operação em rotas pré-estabelecidas pela SPTrans.

Uma segunda fase de testes já está prevista para começar em novembro deste ano, com um segundo ônibus elétrico fabricado na unidade da BYD em Lancaster, Califórnia, nos Estados Unidos. O novo veículo virá para o Brasil para a segunda etapa dos testes em São Paulo, desta vez para operar em linhas comerciais, com passageiros. Em setembro, está prevista a visita de técnicos da SPTrans na fábrica para vistoria do veículo, uma nova versão do K11 desenvolvida especialmente para o mercado brasileiro.

São Paulo é a segunda cidade onde a BYD começa a testar seus veículos. Em julho, 10 ônibus elétricos começaram a rodar em linhas regulares de Campinas (leia aqui), onde a empresa de origem chinesa planeja o investimento total de US$ 400 milhões para a construção de um complexo industrial para abrigar uma fábrica de chassis de ônibus elétricos, um centro de pesquisa e desenvolvimento e linhas de montagem de baterias recarregáveis e de painéis solares fotovoltaicos. 

Em maio deste ano, a companhia previu inaugurar a primeira fase da fábrica (a de chassis de ônibus) em julho (leia aqui). Desta vez, uma nova previsão aponta que a abertura das portas da nova unidade deve acontecer ainda este ano, em outubro.

Tags:

Comentários